Notícias

A Itália que queremos

Chega de polêmica, existem lugares onde discutir

08.03.18

Fábio Vicenzi Deputado Itália 2018

As eleições acabaram, o PD perdeu, temos que virar a página. Por isso deixo o comando do partido. Não entendo as polêmicas internas nesta hora. Ainda estão brigando? Ainda me atacam?

Nos próximos anos o PD deverá fazer oposição aos extremistas. O “Movimento Cinco Estrelas” e a “Direita” nos insultaram por anos e representam o oposto dos nossos valores. São contra a Europa, contra os políticos, usaram sempre uma linguagem de ódio. Disseram que nós éramos corruptos, mafiosos, conspiradores e que temos as mãos sujas de sangue por causa da imigração: não acredito que tenham mudado de ideias de repente.

Governem vocês, caso tenham essa capacidade, nós estamos fora. Para mim o PD deve estar onde colocaram os cidadãos: na oposição. Se alguém do nosso partido pensa diferente, fale para a direção na próxima segunda-feira ou nos grupos parlamentares.

Sem ressentimentos, sem insultos, sem polêmica: quem quiser levar o PD para sustentar as “Direitas” e o “Movimento Cinco Estrelas” diga agora. Pessoalmente, penso que seria um clamoroso e trágico erro. Mas aqueles dirigentes que pedem por uma colegialidade têm lugares e espaços para discutirem, democraticamente, tudo isso. Quanto a mim. Leio de tudo ainda uma vez.
Alguém disse que as demissões seriam falsas, alguém disse que eu estaria para tirar umas férias invernais. As demissões são verdadeiras, mas a notícias é falsa.

Espanta-me que algumas coisas se tornem chamadas nos sítios web, animam as redações, intrigam os jornais. Falar de mim – ainda- é inexplicável. São outros, agora, a comandar o País: amigos da informação, vocês devem se ocupar deles.

Eu já sei o que farei: o simples parlamentar, procurando representar o melhor possível os cidadãos que me honraram em confiarem em mim e mantendo-me em contato com tantas experiências bonitas que fazem parte da nossa sociedade.

Desempenharei o meu papel como parlamentar com sorriso e sabedoria de ter que somente dizer obrigado por esses belos anos: ninguém nos tirará os resultados extraordinários que conseguimos. Chega de polêmica, viva a Itália.

E tenham todos um bom dia.